Shockwave Veterinário – Tratamento por Ondas de Choque: Saiba Tudo Sobre Esta Terapia

Shockwave Veterinário – Tratamento por Ondas de Choque: Saiba Tudo Sobre Esta Terapia

Você conhece ShockWave ou a Terapia por Ondas de Choque? Sabe para que serve o ShockWave? Sabe a importância do ShockWave para o seu pet? Reconhece o funcionamento do ShockWave? Conhece os benefícios do ShockWave? Saiba as diferenças do uso do ShockWave em animais para o ShockWave humano. Estas e todas suas outras dúvidas serão respondidas no texto a seguir, confira: 

O tratamento por Shockwave ou (shock wave) é o nome em Inglês da Terapia por Ondas de Choque. Esta técnica diferentemente do que seu nome remete, não gera no paciente nenhum tipo de choque elétrico. As Ondas de choque (shockwave), são geradas por dispositivos de alta tecnologia, capazes de criar uma onda mecânica poderosa, que penetra com facilidade nos tecidos, chegando a ultrapassar a barreira do som. Dentro do tecido essas ondas se chocam entre elas gerando uma “micro explosão”, que seria a onda de choque propriamente dita. Essa explosão a muitos anos atrás foi descoberta na Alemanha e era usada exclusivamente como tratamento para quebrar cálculos renais e vesicais. No entanto com o passar dos anos foram sendo descobertas uma série de aplicabilidades para ela no tratamento de doenças músculo esqueléticas. Tanto em humanos quanto em animais.

1. O que é ShockWave Veterinário?
2. Para que serve o Tratamento de ShockWave Veterinário?
3. Como funciona o ShockWave Veterinário?
4. Quais doenças e lesões podem ser tratadas com ShockWave Veterinário?
5. Quais são as vantagens do tratamento via ShockWave Veterinário?
6. Quais são os efeitos colaterais do tratamento via ShockWave Veterinário?
7. Qual o valor médio de uma sessão de ShockWave Veterinário?
8. Onde encontro um Centro de Reabilitação Animal que realiza tratamento veterinário via Shockwave?

1. O que é Shockwave Veterinário?

O Shockwave Veterinário, na verdade é exatamente o mesmo equipamento de uso humano. Ele possui a mesma ação sobre os tecidos, o que difere seu uso entre as espécies é as patologias e a suas aplicabilidades. O tratamento com Shockwave em animais, ou de terapia por ondas de choque (TOC), vem sendo uma ferramenta amplamente utilizada no meio equestre a muitos anos, devido ao seu potente efeito analgésico e regenerativo de tecidos. No entanto de alguns anos para cá a técnica vem sendo utilizada com mais frequência em pets, e outras espécies que não são de companhia, e o sucesso não tem sido diferente.

Seu objetivo é promover um potente e duradouro alívio da dor, estimular a calcificação óssea, potencializar o efeito anti-inflamatório, regenerador e cicatrizante de tecidos como ligamentos, músculos, tendões, nervos, pele, cartilagens, entre outros. Em doenças crônicas ele também tem um grande efeito pois estimula o reparo das lesões, melhora a circulação local, ajuda a interromper o processo degenerativo e acelerar sua recuperação por meio de seus efeitos terapêuticos e analgésicos.

Esta técnica trata-se de um tratamento seguro e não invasivo para patologias do sistema músculo esquelético e outros. É capaz de tratar diversos tipos de lesões agudas e crônicas. Seu poder analgésico é tão grande que seu uso durante provas equestres é considerado doping pela FEI (Federação Equestre Internacional)

2. Para que serve o tratamento de Shockwave em animais?

O Shockwave pode ser utilizado no tratamento de:

- Fraturas de difícil consolidação;
- Não-união óssea;
- Dores articulares agudas e crônicas;
- Displasia coxofemoral e de cotovelo;
- Displasia ou subluxação do ombro;
- Osteoartrose das articulações em geral
- Osteoartrose em pacientes idosos;
- Lesões tendíneas, ligamentares e musculares;
- Mobilização de células tronco na lesão;
- Dores na coluna;
- Contraturas musculares 
- Entre muitas outras.

Muitas dessas patologias podem ser tratadas de forma eficaz com outros recursos da fisioterapia e serem também beneficiados por diversos outros métodos complementares, no entanto, sem dúvidas o Shockwave é um dos recursos com maior poder de ação, resultados mais rápidos e duradouros. Profissionais que trabalham com terapia por ondas de choque relatam que muitos pacientes após terem sido submetidos a diversas sessões com técnicas mais convencionais e com outras tecnologias, sem sucesso ou com sucesso parcial no alívio da dor e recuperação de tecidos lesionados, atingiram o objetivo e melhoraram significativamente qualidade de vida dos pacientes após duas ou três sessões de Shockwave. 

3. Como funciona o Shockwave?

As ondas de choque são fortes pulsos acústicos expansivos que têm um rápido aumento de pressão em apenas alguns nanossegundos, seguidos por um breve período de pressão negativa, seguido por uma reversão gradual à pressão normal. As ondas de choque focais atingem seu pico pressão precisamente no tecido alvo.

Existem 3 tipos de geradores de ondas de choque focais:

O modelo piezoelétrico diversos elementos piezocerâmicos com capacidade expansiva estão dispostos em uma cúpula milimétricamente arranjada para que as ondas emitidas já saiam diretamente em sentido focal. Um estímulo de alta tensão é gerado estimulando os elementos a produzirem as ondas que se propagam em alta velocidade e em sentido focal através de espaçadores de silicone que delimitam a profundidade do tecido que a onda de choque deverá atingir. Ao penetrar nos tecidos as ondas sonoras ganham mais velocidade e pressão, ultrapassando a barreira do som e atingem seu pico de energia no foco onde as ondas se encontram.  

O modelo eletro-hidráulico possui um eletrodo submerso gerador de uma descarga elétrica que cria uma onda de altíssima pressão e velocidade. Essa onda se move em duas fases, uma direta com sentido divergente e uma fase indireta que reflete na cúpula de proteção e vai em sentido focal, de forma que todas as ondas refletidas se encontrarão em um ponto único gerando um grande somatório de energia e pressão onde o shockwave atingirá seu pico máximo.

O modelo eletromagnético as ondas são produzidas por indução eletromagnética, atravessam uma membrana defletora, se direcionam para a cúpula metálica de proteção onde são refletidas e convergidas em sentido focal com alta velocidade e aumentando após a penetração no tecido.

OBS: Existem modelos de equipamentos erroneamente chamados de ondas de choque radiais. Estes modelos nada mais são do que ondas de pressão produzidas por compressores ou por indução, que disparam um projétil contra o tecido. Ao atingir o tecido ele gera uma onda de pressão sem característica focal e com poder de pressão imensamente menor que os dispositivos focais. Estudos comprovam alguma eficácia nos equipamentos de tecnologia de pressão radial, e na prática vemos algum resultado em lesões superficiais, mas nada comparado aos resultados obtidos nas tecnologias focais.

         
     Piezoelétrico                  Eletro-Hidráulico              Eletromagnético

Figuras By 2020 ELvation Medical GmbH.

As Ondas de Choque ao atingirem os tecidos causam um estímulo mecânico que será interpretado pelo organismo e por sua vez acaba gerando uma série de efeitos biológicos. Este fenômeno é chamado de mecanotransdução.

Os efeitos biológicos mais conhecidos são:

- Mobilização de células tronco estimulando a proliferação;
- Liberação de fatores de crescimento e da angiogênese (formação de novos vasos sanguíneos);
- Inibição de fatores pró inflamatórios;
- Aumento dos níveis de ATP;
- Aumento da circulação, auxiliando na redução do edema e da inflamação;
- Aumento dos níveis da substância P, presente no sistema nervoso periférico, promovendo alívio da dor;
- Pode ocorrer uma destruição de nociceptores (receptores da dor), que acaba gerando uma redução na percepção dolorosa.

4. Quais doenças e lesões podem ser tratadas com Shockwave Veterinário?

O Shockwave Veterinário é utilizado, principalmente, para tratar doenças musculoesqueléticas, como tendinite, artrite, osteoartrose das articulações em geral, espondilose; displasia coxofemoral, necrose da cabeça do fêmur, não união óssea ou dificuldades de calcificação em fraturas, calcificações de tendões, ligamentos, músculos e de cápsula articular; epicondilite, lesões de meniscos, contraturas musculares, condromalácia, osteocondrite; lesões em nervos periféricos, alívio dos sintomas das hérnias de disco, cicatrização de feridas difíceis, entre outras. 

5. Quais são as vantagens do tratamento via ShockWave Veterinário?

Potencializar o resultado das cirurgias, acelerar a recuperação de pós cirúrgicos, acelerar a reabilitação física do paciente, acelerar no alívio de dor para facilitar o tratamento de fisioterapia, potencializa o resultado final da reabilitação, afeito analgésico e regenerador é mais potente que de outros equipamentos convencionais, possibilita tratar pacientes que não estão apresentando bons resultados com outras técnicas, possibilita recuperar a qualidade de vida de pacientes que tem dificuldade de acesso e de deslocamento frequente para sessões tradicionais de reabilitação, visto que obtém resultados fantásticos com poucas sessões e podem ser realizadas de forma mais espaçadas. 

Com equipamentos modernos e doses adequadas na maioria dos pacientes não há necessidade de sedação. No entanto é importante destacar que em alguns casos, por conforto e segurança do paciente a sedação ou anestesia poderão ser indicadas.

6. Quais são os efeitos colaterais do tratamento com ShockWave Veterinário?

Essa é uma dúvida pertinente entre os tutores, sobre os efeitos negativos que o tratamento Shockwave pode provocar em seu pet.

Mas fique tranquilo, quando realizado por profissional capacitado, as doses podem ser calibradas de acordo com a sensibilidade do paciente e o desconforto pode chegar a ser mínimo. Estudos modernos têm demonstrado resultados positivos com doses baixas e médias de densidade de energia para a maioria das patologias, o que possibilita serem obtidos resultados ótimos sem a necessidade de alta intensidade e por consequência sem necessidade de reação dolorosa. Sem falar que os mínimos desconfortos que podem ser sentidos são muito compensados pelo resultado final superior ao de qualquer tecnologia convencional.

Após o procedimento, pode ocorrer em alguns tipos de lesões um pequeno desconforto e até mesmo o ponto alvo pode ficar levemente edemaciado. Isso ocorre, pois as ondas de choque de fato colidem com os tecidos e geram um alto estímulo para o organismo responder com um reparo mais poderoso. Esses efeitos negativos que na maioria dos casos não acontecem, se ocorrerem devem passar em poucos dias ou podem ser facilmente contornados com analgésicos ou mesmo com a continuidade das sessões de fisioterapia e acupuntura.

É importante observar que em algumas patologias, o uso de alta energia é importante, e a anestesia se torna obrigatória para que se obtenha o máximo do efeito desejado sem desconforto para o paciente. Mas sempre consulte o veterinário, pois isso ocorre na grande minoria das patologias atendidas na rotina.

7. Qual o valor médio de uma sessão de ShockWave Veterinário?

Essa questão não conta com uma resposta exata, pois o valor de uma sessão de ShockWave Veterinário pode depender de alguns fatores, como a quantidade de locais que devem receber o tratamento e a quantidade de sessões que cada paciente deve realizar, então somente com uma avaliação especializada para saber o valor exato de uma sessão de ShockWave Veterinário.

Porém, para partirmos de uma base. O valor costuma ser ao menos o dobro de uma sessão de fisioterapia ou de uma consulta veterinária, visto que o profissional que irá executar receberá um honorário pelo serviço e o custo de aquisição, manutenção, segurança e rastreamento do equipamento, é altíssimo.

Mas veja bem, por ser uma terapia não invasiva com necessidade de realização de poucas sessões, os benefícios causados superam e muito o investimento. Observa-se na rotina que o efeito analgésico promovido por uma sessão de Shockwave é superior ao efeito de várias sessões de outras técnicas. Em algumas patologias, outras técnicas e medicamentos nem conseguem obter um resultado satisfatório. Estudos comprovam também que alguns dos efeitos biológicos do Shockwave podem durar por mais de 21 dias.

Então nunca deixe de avaliar o caso do seu Pet com um especialista no assunto, provavelmente o tratamento por ondas de choque sairá mais barato que uma série de outras opções.

9. Onde encontro um Centro de Reabilitação Animal que realiza tratamento veterinário via ShockWave?

Por se tratar de um tratamento inovador e moderno, nem todos os Centros de Reabilitação Animal possuem o Shockwave em seu rol de serviços veterinários.

A Vitalvet, além de ser pioneira no tratamento animal por meio da reabilitação física no Rio Grande do Sul, é um dos únicos Centros de Reabilitação Animal que possui o seu próprio aparelho de ShockWave no país.

Além disso, na Vitalvet você encontra veterinários especializados no tratamento com ShockWave, responsáveis por todo o acompanhamento do seu pet e pela utilização das ondas de choque nas áreas lesionadas.

Se você está buscando pelo tratamento especializado de ShockWave Veterinário em Porto Alegre, conheça o Centro de Reabilitação Animal Vitalvet. Somente aqui você encontra infraestrutura de ponta com Veterinários multiespecializados nas diversas técnicas da medicina veterinária integrativa voltadas para a reabilitação animal.

Se você é colega veterinário, de qualquer área ou mesmo especializado em reabilitação animal, e quer que seu paciente receba apenas o tratamento por ondas de choque com nossa equipe, consulte nossas formas de parcerias e a possibilidade de nosso atendimento volante em seu estabelecimento.

© Copyright 2022. DIVIA Marketing Digital. Todos os Direitos Reservados

Agência de Marketing Digital
Clique para Ligar
Fale por WhatsApp

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias para oferecer melhor experiência e conteúdos personalizados, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.


Li e aceito as políticas de privacidade.